Sua língua na Internet

 

raio

A
A
A
A

(rai.o)

sm.

1. Fís. Feixe de luz ou de outra forma de energia radiante (raios do sol; raio de luz).

2. Descarga elétrica no espaço, seguida de relâmpago: Ontem à noite, caiu uma tempestade com muitos raios.

3. Fís. Movimento retilíneo por meio dos qual se propagam as radiações (raio alfa; raio beta; raio gama); RADIAÇÃO

4. Geom. Distância do centro de circunferência ou de esfera a qualquer de seus pontos, meio diâmetro da circunferência.

5. Geom. Distância do centro aos vértices de um polígono regular.

6. Numa roda, cada uma das varetas de comprimento igual que partem de um centro em diferentes direções.

7. P.ext. Distância que vai de um ponto central, ou que se toma como centro, para a periferia; tudo quanto se considera partindo do centro para a periferia: A três léguas de raio não se encontra outro médico: Desenhou uma estrela de cinco raios.

8. Fig. Sinal, mostra, indício (raio de esperança).

9. Fig. Pop. Espécie, tipo: Que raio de coisa é essa?

10. Jur. Perímetro onde determinada coisa se localiza e que se constitui o seu limite.

11. Jur. Divisão territorial que constitui a jurisdição de uma autoridade judiciária.

12. Ict. Filamento ósseo de sustentação das nadadeiras dos peixes.

13. Palavra us. como intensificador com ideia de descontentamento: O raio do proprietário acabou aumentando o aluguel.

interj.

14. Expressão de exclamação, irritação, impaciência, contrariedade etc.: O h! raios, que maçada! [Mais us. no pl.]

[F.: Do lat. radius. Ideia de 'raio', 'radiação': radi(o)1 - (radial; radiano). Hom./Par.: raio (fl. de raiar).]


Raio de ação
1 Mil. Raio de alcance efetivo de uma arma, de um destacamento militar etc.
2 A máxima distância que um navio ou avião ou outro veículo de combate pode alcançar, e voltar ao ponto de partida sem se reabastecer.
3 Fig. Área (espaço físico ou domínio de atividades) em que alguém atua de modo eficaz.


Raio de curvatura
1 Geom.an. Num ponto de uma curva, o módulo do inverso da curvatura.


Raio de giração
1 Fís Na rotação de um corpo em torno de um eixo, raiz quadrada do quociente da inércia do corpo em relação ao eixo pela sua massa. [Ou seja, o quadrado do raio de giração é igual ao momento de inércia dividido pela massa.]


Raio geodésico
1 Geom.an. Raio de uma circunferência geodésica.


Raio laser
1 Fís. Raio luminoso coerente (sempre com o mesmo comprimento de onda e mesma relação de fase) em feixe concentrado, no que resulta grande conservação de energia.


Raio luminoso
1 Ópt. Numa radiação eletromagnética na região visível do espectro, feixe estreito de radiação, imaginável como cada linha perpendicular à frente de onda de radiação.


Raio polar
1 Geom.an. Ver Raio vetor.


Raios alfa
1 Fís.nu. Radiação formada por partículas alfa.


Raios anódicos
1 Fís. Radiação formada de partículas de carga positiva, emitidos por um catodo. aquecido.


Raios beta
1 Fís.nu. Radiação formada por partículas beta.


Raio canal
1 Fís.nu. Radiação formada por íons positivos acelerados, originada em descarga elétrica num tubo com gases rarefeitos; raios positivos.


Raios catódicos
1 Fís. Radiação formada de feixes de elétrons emitidos por um cátodo, num tubo a vácuo.


Raios cósmicos
1 Fís.nu. Ver Radiação cósmica no verbete radiação.


Raios delta
1 Fís.nu. Radiação de elétrons que foram extraídos de átomos por ação de partículas ionizantes e que, por sua vez, podem ter ação ionizante.


Raios gama
1 Fís.nu. Radiação eletromagnética, cujo comprimento de onda oscila entre 10-10 m e 10-14 m, que se verifica quando um núcleo atômico passa a um estado de excitação menor que o inicial.


Raios o partam
1 Expressão interjetiva que expressa extrema irritação, ódio, aversão etc., proferida como praga lançada contra alguém.


Raios positivos
1 Fís. Ver Raios canal.


Raios Roentgen
1 Fís. Ver Raios X.


Raios X
1 Fís. Radiação eletromagnética cujo comprimento é menor que o da radiação ultravioleta, entre 0.001 e 10 nanômetros. [Ver achega enciclopédica ao final do verbete.]


Raios X brancos
1 Fís. Raios X cujos comprimentos de onda abrangem ampla faixa de variação.


Raios X duros
1 Fís. Raios X com comprimento de onda pequeno e alto poder de penetração em certos meios.


Raios X moles
1 Fís. Raios X com baixo poder de penetração.


Raio verde
1 Met. Efêmero clarão verde no horizonte, que ocorre no momento do nascer de um astro ou de seu ocaso, esp. o Sol. [Tema de famoso livro de Júlio Verne.]


Raio vetor
1 Geom.an. Num sistema de coordenadas polares, segmento dirigido do polo ao ponto; raio polar.
2 Num sistema de coordenadas polares, a coordenada linear; raio polar.





O raio é uma descarga elétrica na atmosfera, produzida pela diferença de potencial entre nuvens eletricamente carregadas, ou entre uma nuvem e a terra. Com a movimentação do ar, devido a diferenças térmicas (o ar frio, mais pesado, desce, o ar quente, mais leve, sobe) o atrito entre as moléculas de ar e as de água suspensas gera eletricidade, que se acumula nas nuvens. Quando duas nuvens de potencial elétrico diferente se aproximam o suficiente, uma descarga de eletricidade parte da mais carregada para a menos carregada. Na descarga de uma nuvem para a terra (da nuvem positivamente carregada para a terra, negativa), num determinado momento da descarga, aquele ponto na terra para o qual se dirige a descarga da nuvem carrega-se positivamente e ' devolve' a descarga para a nuvem, fechando o circuito e desenhando um raio potente que desceu e subiu em milionésimos de segundo, com uma voltagem (diferença de potencial) de centenas de milhões de volts. Os para-raios servem para atrair a descarga e a encaminhar com segurança para a terra, sem causar danos. O Brasil é o país com maior ocorrência de raios do mundo.


Este serviço é um oferecimento de:



© Lexikon Editora Digital